terça-feira, maio 25, 2010

Ainda me encontro neste mundo...



Ainda vivo...Ainda te respiro, ainda me fazes sonhar...
A respeito da alegria da minha vida devo dizer que também ainda te recordo no dia que nasceste, parecias sofrer duma qualquer depressão sabendo que ias sofrer na pele as desilusões deste nosso mundo. Tens o poder de me conquistar...de me verter em lágrimas.